Senhora Holle (Dona Flocos de Neve) – Grimm’s Fairy Tales

75553a2bf7fd41cb9e86a38bdecc9c5b

Era uma vez uma viúva que tinha duas filhas – uma na qual era bonita e trabalhadora, enquanto a outra era feia e ociosa. Mas ela era muito mais afeiçoada com a feia e ociosa, porque ela era sua única filha; e a outra, que era a sua enteada, era obrigada a fazer todo o trabalho, e ser a Cinderella da casa. Todos os dias a pobre garota tinha que sentar-se junto ao poço, na estrada, e fiar e fiar até os seus dedos sangrarem.

Então, aconteceu que um dia a bobina foi marcada com o seu sangue, e ela se debruçou sob o poço para tirar a mancha; mas a bobina escapou da sua mão e caiu no fundo do poço. Ela começou a chorar e correu até a sua madrasta e falou para ela do acidente. Mas ela a repreendeu fortemente, e foi muito impiedosa ao dizer, “Já que você deixou a bobina cair lá dentro você deve pega-la de volta novamente.

Mother-Hulda-grimms-fairy-tales-39305372-577-800

Então a garota voltou ao poço e não soube o que fazer; e na aflição do seu coração ela pulou no poço para pegar a bobina. Ela perdeu seus sentidos; e quando acordou voltou a si mesma novamente, ela estava em um amável prado onde o sol estava brilhando e muitos milhares de flores estavam crescendo. Ao longo desse prado ela foi, e finalmente chegou a um forno de um padeiro cheio de pão, e o pão falou, “Oh, me tire daqui! me tire daqui! ou eu queimarei; eu já estou sendo assado por um longo tempo!

Então ela se aproximou e tirou todos os pães, um após o outro, com a pá de pão. Depois disso ela continuou até ela chegar a uma árvore coberta de maçãs que chamou por ela, “Oh, me sacuda! me sacuda! nós maçãs estamos todas maduras!” Então ela sacudiu a árvore até que as maçãs caíram como chuva, e continuou sacudindo até que elas todas caíssem, e depois que ela reuniu todas em uma pilha ela continuou seu caminho.

45865f99a6ba413292967ba86c1f8173--l-art-book-illustrations

Finalmente ela chegou em uma pequena casa da qual uma velha espreitava; mas ela tinha dentes tão grandes que a garota ficou assustada, e estava prestes a fugir.

Mas a velha a chamou, “Do que você está com medo, querida criança? Fique comigo; se você fizer todo o trabalho da casa adequadamente, você deve ser a melhor para isso. Apenas precisa tomar cuidado para fazer a minha cama bem, e sacudi-la completamente até que as penas voem – pois então há neve na terra. Eu sou a Senhora Flocos de Neve.

Enquanto a velha mulher falava tão gentilmente para com ela a garota tomou coragem e concordou em entrar para seus serviços. Ela cuidou de tudo para a satisfação da velha, e sempre sacudia a cama dela vigorosamente para que as penas voassem como flocos de neve. Então ela tinha uma boa vida agradável com a Senhora Flocos de Neve; sem nunca ouvir uma palavra de raiva; além de carne cozida ou assada todos os dias.

abf5d8f079c6756c9949494903366f8c

Após viver  algum tempo com a Senhora Flocos de Neve ela se tornou triste. No início ela não sabia qual era seu problema, mas ao longo do tempo descobriu que era saudade de casa: embora ela estivesse muitos milhares de vezes melhor lá do que em sua casa, ainda assim ela ansiava estar lá. Por fim ela disse para a velha senhora, “Eu tenho saudades de casa; e apesar de estar melhor aqui, eu não posso mais ficar; eu devo subir de volta novamente para meu próprio povo.

A Senhora Flocos de Neve então disse, “Eu fico satisfeita em saber que você anseia por sua casa novamente, e como você me serviu tão verdadeiramente, eu mesma irei te levar de volta.” Em seguida ela a pegou pela mão e a guiou por uma grande porta. A porta estava aberta, e assim que a donzela estava parada debaixo da entrada da porta uma pesada chuva de ouro caiu e todo o ouro permaneceu pendurado nela, até que ela ficou completamente coberta com ele.

i_243

Você mereceu isso porque você foi muito trabalhadora.” disse a Senhora Flocos de Neve, e ao mesmo tempo ela deu à menina a bobina de volta que havia caído dentro do poço. Logo a seguir a porta se fechou e a donzela se encontrou novamente na superfície da terra, não muito longe da casa de sua madrasta.

E ao entrar no quintal o galo que estava em pé junto ao poço e disse –

“Cocoricó! Cocoricó!

Sua garota de ouro voltou para você!”

Então ela foi de encontro a madrasta, e quando chegou toda coberta de ouro ela foi muito bem recebida, tanto pela madrasta como pela irmã.

mother-holle-e1508938225580

A garota contou tudo que havia acontecido com ela; e assim que a madrasta ouviu como ela chegou a tanta riqueza ficou muito ansiosa para obter a mesma boa sorte para a filha preguiçosa e feia. Ela teve que se sentar por conta própria no poço e fiar; e a fim de que o seu transporte estivesse manchado de sangue, ela prendeu a sua mão em uma moita de espinhos e furou o seu dedo. Então ela jogou a bobina no poço e pulou atrás.

Ela chegou, como a outra, a um belo prado e andou pelo mesmo caminho. Quando ela chegou a fornalha e os pães novamente falaram, “Oh, me tire daqui! me tire daqui! ou eu queimarei; eu já estou sendo assado por um longo tempo!” Mas a coisa preguiçosa respondeu, “Como se eu tivesse alguma intenção de me sujar?” e foi embora. Logo chegou a macieira, que disse, “Oh, me sacuda! me sacuda! nós maçãs estamos todas maduras!” Mas ela respondeu, “E eu com isso! uma de vocês pode cair na minha cabeça.” e foi embora.

Quando ela chegou a casa da Senhora Flocos de Neve ela não estava com medo, pois ela já havia ouvido dos seus dentes grandes, e ela foi imediatamente engajada a prestar seus serviços. O primeiro dia ela se forçou a trabalhar com diligência, e a obedecer à Senhora Flocos de Neve sempre que ela a mandava fazer alguma coisa, pois ela estava pensando em todo o ouro que ela ganharia. Mas no segundo dia ela começou a ser preguiçosa, e no terceiro dia ficou ainda mais, e então ela não se levantava mais pela manhã de forma alguma. Nem fazia a cama da Senhora Flocos de Neve como havia prometido, e não a sacudia para que a suas penas voassem. Senhora Flocos de Neve estava tão cansada que a pediu para ir embora. A garota preguiçosa já estava com bastante vontade de ir embora, e pensou que agora que a chuva de ouro iria vir. Senhora Flocos de Neve também a guiou para a grande porta; mas enquanto ela estava em pé sobre a entrada, em vez de ouro um grande pote de piche foi esvaziado sobre ela. “Essa é a sua recompensa pelos seus serviços.” disse a Senhora Flocos de Neve, e fechou a porta.

goldmarie_und_pechmarie___mother_hulda_by_kunstraeume-d80eivy

Então a garota preguiçosa foi para casa; mas ela estava tão coberta de piche que o galo que estava junto ao poço, assim que a viu disse –

“Cocoricó! Cocoricó!

Sua garota de piche voltou para você!

Mas o piche grudou tão rápido nela que não pode ser tirado por toda a sua vida.

rackham_mother2

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s